Histórico de Eventos

Início >> Extensão >> Eventos >> Historico

Seminário sobre Gás e Regulação

Data: 
segunda-feira, 11 Dezembro, 2017 - 14:00 até 17:30
O Instituto de Energia e Ambiente  em conjunto com o Programa de Recursos Humanos PRH-04 e o Research Centre for Gas Innovation - RCGI/USP, todos da Universidade de São Paulo, e o Instituto Brasileiro de Estudos do Direito da Energia - IBDE convidam para o 
 
SEMINÁRIO SOBRE GÁS E REGULAÇÃO
 
 
11 dezembro 2017
14h00 às 17h30
sala auditório do RCGI- Prédio da Engenharia Mecânica e Naval - POLI/USP
Av. Prof. Mello Moraes, 2231, Cidade Universitária, São Paulo
 
 
O Seminário tem como foco o substitutivo ao PL 6407/2013, que trouxe contribuições normativas discutidas no âmbito da iniciativa “Gás para Crescer” lançada pelo Ministério das Minas e Energia - MME, em julho de 2016, que abriu um debate sobre a adequação das atividades do setor de gás natural ao novo momento do mercado tendo como base a redução da participação da Petrobras em diversos segmentos da categoria.
 
Programação
 
14h00 - Abertura
             Colombo Celso Gaeta Tassinari, IEE/USP
             Julio Meneghini, RCGI/EPUSP
             Dirceu Abrahão, Secretaria de Energia e Mineração do Estado de São Paulo
             Hirdan Katarina de Medeiros Costa, IEE/USP
 
14h10 - Primeiro Painel: Efeitos da Propositura Parlamentar nos Serviços de Distribuição do Gás Canalizado
              Edmilson Moutinho dos Santos, IEE/USP (Coordenador); Zevi Kann, Zenergas Consultoria,
              Gustavo Mano, UFF e Alexei Macorin Vivan, ABCE
 
15h40 - coffee break
 
16h00 - Segundo Painel: Os Gasodutos de Transporte de Gás e a sua Exploração
             Maria D’Assunção Costa, Assunção Consultoria (Coordenadora); Floriano de Azevedo Marques Neto,
             FD/USP; Solange David, CCEE; Tiago do Monte Macedo, Tauil & Chequer Advogados Associadoa Mayer
             Brown LLP
 
17h30 - Encerramento
 

Worshop sobre o Projeto ECOPA - O papel das mudanças de estilo de vida em estratégias de baixo carbono. O caso do Brasil e da França

Data: 
segunda-feira, 11 Dezembro, 2017 - 09:00 até quarta-feira, 13 Dezembro, 2017 - 12:00

Worshop sobre o Projeto ECOPA
O papel das mudanças de estilo de vida em estratégias de baixo carbono. O caso do Brasil e da França

11 e 12 dezembro 2017
09h00 às 17h00
auditório do IEE/USP - Av. Prof. Luciano Gualberto, 1.289 - Cidade Universitária, São Paulo
o evento tem como idioma o inglês, sem tradução
inscrições exclusivamente por email em comunicacao@iee.usp.br enviando nome/email/cargo/instituição

Sinopse
O Acordo de Paris reconheceu que os estilos de vida desempenham um papel importante na abordagem das mudanças climáticas. Soluções puramente tecnológicas não podem produzir uma transição para um desenvolvimento de baixo carbono por si só: os padrões de consumo também terão que evoluir. Como antecipar mudança de estilo de vida nas economias em crescimento? Em que medida as mudanças do padrão de consumo podem contribuir para cenários de baixo carbono para o Brasil e a França, a fim de agregar o aumento de temperatura de 1,5 graus Celsius. Estes entre outros temas importantes sobre economia de recursos energéticos e comportamentos sociais relacionados ao consumo serão apresentados e discutidos por pesquisadores especialistas de Universidades e Instituições de Pesquisa da França e do Brasil.

As apresentações correspondem aos resultados do Projeto ECOPA - Evolutionof consumption patterns, economic convergence and carbon footprint of development: a Brazil-France comparison, realizado pelo Gbio/IEE/USP, pelo CIRED/França, COPPE/UFRJ e UFF.

O Projeto ECOPA teve como objetivo principal analisar quão flexível é a ligação entre o nível de renda per capita e os padrões de consumo e, em sequência, projetar suas implicações em cenários futuros de emissões de GEE para o Brasil e para a França.

O ECOPA foi dividido em quatro grandes tarefas:

  • Tarefa 1 - analisar econometricamente os dados sobre o consumo final das famílias em termos monetários e físicos, identificando padrões e fatores condutores;
  • Tarefa 2 - pesquisa antropológica buscando identificar as principais variáveis explicativas para o consumo de energia, observando as emissões de GEE entre diferentes grupos populacionais;
  • Tarefa 3 - utilizando matrizes insumo-produto, analisar o fluxo de energia e das emissões entre os setores da economia, fornecendo visão mais detalhada dos impactos no consumo final;
  • Tarefa 4 - construir cenários de emissões de GEE considerando mudanças nos padrões de consumo, distribuição de renda e crescimento populacional.

O Projeto ECOPA foi financiado pela ANR - Agence Nationale de Recherche, France e pela FAPESP - Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo e EDF R&D.

O Workshop foi financiado pela FAPESP e ANR

Link para entrevista sobre o ECOPA http://jornal.usp.br/atualidades/mudanca-de-estilo-de-vida-e-necessaria-para-cumprir-acordo-de-paris/

Program

December, 11th, 2017

08h30-09h00 - Registration

09h00-09h30 - Opening Session
                         Colombo Celso Gaeta Tassinari, IEEUSP - Director
                         Carine Barbier, CIRED/France
                         Celio Bermann, PPGE/IEE/USP - Coordinator
                         Suani Teixeira Coelho, GBIO/IEE/USP

09h30-12h00 -
                         Household consumption patterns: a comparison Brazil/France
                         Claude Cohen, UFF and Carine Barbier, CIRED/France
                         GHG emissions in Brazil and the role of CGEE
                         Marcelo Poppe, CGEE
                         Linking electricity consumption of home appliances and standards of living: a comparison
                         between Brazillian and French households

                         Carolina Grottera, UFRJ
                         Fuelwood consumption and carbon emissions in Brazil
                         Suani Teixeira Coelho, GBIO/IEE/USP and Alessandro Sanches Pereira, GBIO/IEE/USP
                         Evolution of Brazilian households energy consumption: 2002 and 2008
                         Amaro Pereira, UFRJ

12h00-12h30 - Discussions

12h30-14h00 - Lunch time

14h00-16h00 -
                         Introductory speach
                         Jose Goldemberg, FAPESP, President
                         Consumption partners in selected households: a case study in São Paulo
                         Fabio Rubens Soares, GBIO/IEE/USP
                         Emissions from tourism sector - Brazil
                         Jean Paul Ceron, CIRED/France

16h30-17h15 -
                         Inequality changes and carbon footprint in Brazil
                         Luis G. Tudeschini, GBIO/IEE/USP
                         International trande and carbon footprint of French households
                         Gaelle Le Treut, CIRED/France

17h15-17h30 - Discussions

17h30-18h00 - Closing session

December, 12th, 2017

09h30-10h45 - GHG emission scenarios considering changes in patterns of consumption, income distribution and
                         economic growth

                         Carine Barbier, CIRED/France and Carolina Grottera, UFRJ

11h00-12h00 - General conclusions and next steps    

Minicurso - The role of life style changes in low carbon strategies. The case of Brazil and France

13 dezembro 2017
09h00 às 12h00
Sala da ANP - prédio S do IEE/USP - Av. Prof. Luciano Gualberto, 1.289 - Cidade Universitária, São Paulo
O idioma será inglês sem tradução
Inscrições exclusivamente com Dr. Fabio Soares, Posdoc do IEE/USP pelo email fabio.rsoares@usp.br

Ministrantes:
Carine Barbier, CIRED/France - Lifestyle and energy consumption
Jean Paul Ceron, CIRED/France - Carbon emissions in tourism sector in Brazil
Aramo Pereira, COPPE/UFRJ e Carolina Grottera, COPPE/UFRJ - Assessment of long-term CO2 emissions with a hybrid Computable General Equilibrium Model (IMACLIM-BR)

 

Palestra Memória, Memórias: os dilemas do que lembrar e do que esquecer

Data: 
sexta-feira, 1 Dezembro, 2017 - 09:30 até 11:30

PALESTRA: MEMÓRIA, MEMÓRIAS: OS DILEMAS DO QUE LEMBRAR E DO QUE ESQUECER

com Profa. Dra. Maria Leticia Mazzucchi Ferreira, UFPel

01 dezembro 2017
09h30 - 11h30
sala de seminários do prédio S - IEE/USP - Av. Prof. Luciano Gualberto, 1.289 - Cidade Universitária
evento sem inscrição prévia
haverá emissão de declaração de presença

A palestra será dirigida aos alunos do PROCAM/IEE/USP e remete às experiências de lembrança e esquecimento diante da velocidade das transformações que a sociedade atual vive. A importância desse duplo processo e suas implicações serão contempladas, em particular os aspectos que rebatem nas iniciativas de conservação de práticas e representações relacionadas com o ambiente urbano. A palestra será seguida de dabete sobre o tema.

Maria Leticia Mazzucchi Ferreira é Professora Associada da Universidade Federal de Pelotas - UFPel, pesquisadora do patrimônio imaterial junto ao INRC/IPHAN, coordenadora no Brasil do projeto Colostrum, do Laboratoire d'Anthropologie et de Psycologie Cognitives et Sociales, da Universidade de Nice, França.

 

Palestra Evidências do impacto da disponibilidade de gás natural sobre a concentração industrial

Data: 
segunda-feira, 27 Novembro, 2017 - 18:30 até 20:30
Palestra EVIDÊNCIAS DO IMPACTO DA DISPONIBILIDADE DE GÁS NATURAL SOBRE A CONCENTRAÇÃO INDUSTRIAL
 
Prof. Edgar Antônio Perlotti, FIPE
 
27 novembro 2017
18h30 às 20h30
sala da ANP - prédio S - IEE/USP - Av. Prof. Luciano Gualberto, 1289 - Cidade Universitária, Butantã, São Paulo
 
A utilização de gás natural segue ganhando espaço na matriz energética da indústria brasileira. Para um conjunto de segmentos e processos, a utilização de gás natural como energético ou matéria prima envolve significativos ganhos do ponto de vista ambiental, técnico e econômico. O trabalho desenvolvido explora o potencial indutor do desenvolvimento regional que a disponibilidade de gás natural possui. Uma vez que a presença e gasodutos exibem evidente padrão de concentração espacial, o exercício empírico verifica se as indústrias levam em conta a disponibilidade do energético em sua decisão de localização.
 
 
Edgar Antônio Perlotti é consultor nas áreas de regulação econômica e análise setorial e regional. Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Energia, do Instituto de Eletrotécnica e Energia (IEE)-USP, sob orientação do Prof. Dr. Edmilson Moutinho Santos. Possui graduação em Ciências Econômicas pela Universidade de São Paulo (2007). Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Economia Aplicada e Organização Industrial, atuando principalmente nos seguintes temas: energia, saneamento básico, telecomunicações, regulação econômica, infraestrutura, política industrial, localização industrial, análises espaciais.
 

9° SENSE - Seminário Nacional de Segurança e Saúde no Setor Elétrico Brasileiro

Data: 
quarta-feira, 22 Novembro, 2017 - 08:00 até sexta-feira, 24 Novembro, 2017 - 17:00

9° SENSE - Seminário Nacional de Segurança e Saúde no Setor Elétrico Brasileiro

22, 23 e 24 novembro 2017
8h00 às 17h00
auditório do Instituto de Energia e Ambiente - IEE/USP - Av. Prof. Luciano Gualberto, 1.289 - Cidade Universitária, Butantã, São Paulo
programação e inscrições em http://www.sense.funcoge.org.br

Alinhada ao seu conceito estratégico de agregar conhecimento, a Fundação COGE - FUNCOGE, em conjunto com o Instituto de Energia e Ambiente da Universidade de São Paulo - IEE/USP e o Sindicato da Indústria da Energia no Estado de São Paulo - SINDIENERGIA, promoveu o 9° SENSE.

Objetivos do evento:
a) Congregar os profissionais da área de SSTQV - Segurança e Saúde no Trabalho e Qualidade de Vida das empresas do Setor Energético, visando o intercâmbio de experiências, o relacionamento, o convívio e a colaboração entre eles;
b) Incentivar a produção de estudos e trabalhos focando a prevenção de acidentes, a promoção da saúde e qualidade de vida dos trabalhadores;
c) Divulgar e discutis as alterações mais recentes da legislação pertinente a SST, de forma a auxiliar as empresas e seus profissionais na sua implementação;
d) Apresentar as novidades no que se refere a EPI - Equipamentos de Proteção Individual, permitindo aos profissionais de SSTQV a dicussão junto aos fornecedores.

Complementarmente, o evento pretendeu que os divulgar o Laboratório de Ensaios de Vestimentas - LEVe/IEE/USP, inaugurado no final de 2016, que coloca o Brasil no seleto grupo de países com capacidade tecnológica para a realização de ensaios em vestimentas FR e EPI, de vital importância para a proteção dos trabalhadores do setor elétrico brasileiro

Patrocinadores Ouro
Westex by Milliken, Cedro Têxtil, Santanense Workwear, Grupo Control Engenharia, Leal Equipamentos de Proteção, AES Eletropaulo, EDP, Rambo, Dupont.

Patrocinador Prata
Copel

Patrocinador Bronze
Ideal Work

Apoiadores
ABQV - Associação Brasileira de Qualidade de Vida, Canal SST, Revista CIPA, FNE - Federação Nacional dos Engenheiro, INTERFACE, Revista PROTEÇÃO, SEESP - Sindicato dos Engenheiros do Estado de São Paulo.

Workshop sobre Tecnologias de Captura, Estocagem e Utilização de CO2 em Diferentes Formações

Data: 
quinta-feira, 16 Novembro, 2017 - 09:00 até sexta-feira, 17 Novembro, 2017 - 17:00

WORKSHOP SOBRE TECNOLOGIAS DE CAPTURA, ESTOCAGEM E UTILIZAÇÃO DE CO2 EM DIFERENTES FORMAÇÕES

 
16 e 17 novembro 2017
9h00 às 17h00
auditório do IEE/USP - Av. Prof. Luciano Gualberto, 1.289 - Cidade Universitária, São Paulo
 
A preocupação com a redução de emissões de gases de efeito estufa proporciona oportunidade para tecnologias como a captura, estocagem e utilização de CO2  (CCUS), nas quais esse gás é separado dos efluentes em fontes geradoras, comprimido e injetado de forma permanente em formações geológicas como reservatórios de petróleo, cavernas salinas ou camadas de carvão. A injeção de CO2 pode ser combinada com produção de hidrocarbonetos para melhoria do fator de recuperação desses reservatórios. Por esses motivos, a CCUS adquire importância estratégica para empresas de energia. Dentro desse contexto, essas tecnologias são estudadas por 16 novos projetos do RCGI/USP (Research Centre for Gas Innovation).
 
O Workshop teve por objetivo reunir pesquisadores e estudantes para divulgar novas tecnologias de CCUS em diferentes formações geológicas. O evento terá a participação da Profa. Dra. Cristina Fernanda Alves Rodrigues da Universidade Fernando Pessoa, Portugal.
 
 
PROGRAMAÇÃO
 
16 novembro
 
09h00- 10h30 - Os projetos do Programa de Abatimentos de CO2 do RCGI
                         Kazuo Nishimoto, RCGI/POLI/USP
                         Análise de Relações Internacionais em Projetos de CCUS
                         Thiago Brito, PPGE/IEE/USP
 
10h45-12h00 - Armazenamento de CO2 e Simulação Numérica
                         Economia e Análise de Risco em Projetos de CCUS
                         Gabriel Costa, UNICAMP
 
14h00-15h30 - Perspectivas para CCUS em Reservatórios de Petróleo Não Convencionais onshore e de
                        Bacias Sedimentares offshore do Sudeste do Brasil
                        Colombo Celso Gaeta Tassinari, PPGE/IEE/USP
 
15h45-17h00 - Injeção de CO2 para Produção de Metano em Camadas de Carvão (CBM)
                         Cristina Fernanda Alves Rodrigues, UFP, Portugal  
 
17 novembro
 
09h00-12h00 - Minicurso sobre Tecnologias de CCUS
                        Cristina Fernanda Alves Rodrigues, UFP, Portugal  
 
14h00-17h00 - Minicurso sobre Petrologia e Geoquímica Orgânicas e suas Aplicações em CCUS
                        Cristina Fernanda Alves Rodrigues, UFP, Portugal
 
Evento foi realizado pelo Instituto de Energia e Ambiente  em conjunto com o Programa de Recursos Humanos PRH-04 e o Research Centre for Gas Innovation - RCGI/USP, todos da Universidade de São Paulo e contou com o apoio do Colégio Bandeirantes e da Universidade Fernando Pessoa, Portugal.

 

Palestra Visão Geral das Questões Relativas ao Licenciamento Ambiental nas Etapas de Exploração e Produção de Gás Natural

Data: 
segunda-feira, 6 Novembro, 2017 - 18:30 até 20:30

Palestra VISÃO GERAL DAS QUESTÕES RELATIVAS AO LICENCIAMENTO AMBIENTAL NAS ETAPAS DE EXPLORAÇÃO E PRODUÇÃO DE GÁS NATURAL

Mestranda Mariana F. Miranda, PPGE/IEE/USP

06 novembro 2017
18h30 às 20h30
sala da ANP - prédio S - IEE/USP - Av. Prof. Luciano Gualberto, 1.289, Cidade Universitária, São Paulo

A palestra teve por objetivo apresentar a legislação ambiental, focalizando o licenciamento e os órgãos públicos responsáveis e especificando a indústria do gás natural (GN), nas etapas de Exploração e Produção (E&P), assim como trazer considerações sobre as políticas públicas do Ministério de Minas e Energia (MME) relativamente a áreas de nova fronteira e enquadradas como estratégicas.

Mariana F. Miranda  (mfmiranda@outlook.com.br)é advogada especializada em Direito Ambiental. Graduação em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ (2009). Mestranda do Programa de Pós-graduação em Energia do Instituto de Energia e Ambiente da Universidade de São Paulo. Pesquisadora do Projeto 21 "Creation of  the Brazilian and São Paulo Legal Service of Natural Gas", que faz parte do Centro de Pesquisa e Inovação em Gás - RCGI/USP (www.rcgi.poli.usp.br)

Apresentação em PDF

Anexos: 
AnexoTamanho
Apresentação 06.11.17.pdf1.41 MB

Palestra Conflitos sobre Água nas Américas - uma abordagem comparativa

Data: 
segunda-feira, 6 Novembro, 2017 - 14:00 até 18:00
CONFLITOS SOBRE ÁGUA NAS AMÉRICAS - UMA ABORDAGEM COMPARATIVA
 
com Professor Emérito Bernard Barraqué, AgroParisTech
 
06 novembro 2017
14h00 às 18h00
auditório do IEE/USP - Av. Prof. Luciano Gualberto, 1.289 - Cidade Universitária, Butantã, São Paulo
 
Programação
 
14h00 - Apresentação sobre o Projeto Bluegrass
             Franck Poupeau, CNRS/França e Pedro Roberto Jacobi, IEE/USP
14h30 - Palestra Conflitos sobre Água nas Américas - uma abordagem comparativa
             Bernard Barraque, Professor Emérito do AgroParisTech, França
15h30 - Questões e debate com Bernard Barraqué
16h15 - Debates sobre conflitos em torno da Água
             Ana Paula Fracalanza, IEE/USP; Patrick Laigneau, Consultor em Gestão de Recursos Hídricos;
             Gilles Massardier, CIRAD/França
 
Sinopse
Este evento marca a finalização do Projeto "BLUEGRASS - As lutas pelo ouro azul', financiado pela ANR/França (Agence Nationale de la Recherche) e no Brasil pela FAPESP. O projeto foi executado pelo IEE/USP em parceria com IFEA (Peru), CEMCA (Mexico) e CIRAD (França). O Projeto procura entender melhor a lógica da evolução de conflitos pela água em um contexto de novos desafios ambientais. A pesquisa desenvolvida foca na maneira como os problemas ambientais são socialmente percebidos e construídos, mas também estrategicamente apropriados por uma ampla gama de atores. Os estudos de caso incluem cidades e seus arredores rurais no oeste dos Estados Unidos (Arizona), México, Peru, Bolívia e Brasil. Este projeto comparativo destaca a interação entre várias coligações multi-nível, pela análise da fabricação de um modelo global, das diferentes reações nacionais a esse modelo, e dos conflitos pela água no nível local.
 
A palestra do Prof. Barraqué teve como foco os conflitos urbanos sobre água, título do livro por ele organizado para a UNESCO, no qual apresenta diversos casos e analisa as abordagens interdisciplinares para entender os conflitos.
 
Evento organizado pela Divisão Científica de Gestão, Ciência e Tecnologia Ambiental do Instituto de Energia e Ambiente da Universidade de São Paulo.
 

Palestra Descomissionamento e Consequências Legais, inclusive sobre CCS

Data: 
segunda-feira, 23 Outubro, 2017 - 17:00 até 19:00
Palestra DESCOMISSIONAMENTO E CONSEQUÊNCIAS LEGAIS, INCLUSIVE SOBRE CCS
 
Prof. Dra. Clarissa Maria Beatriz Brandão de Carvalho Kowarski, UFF
 
23 outubro 2017
17h00
sala da ANP - Prédio S do IEE/USP - Av. Prof. Luciano Gualberto, 1.289, Cidade Universitária, São Paulo
 

O ciclo de vida da indústria do petróleo e gás encerra-se na etapa de descomissionamento. Portanto, a fase final é um momento em que as empresas petroleiras devem seguir as obrigações legais e retirar os equipamentos da área de produção, realizando os devidos cuidados e cumprindo a legislação ambiental. No Brasil, temos essa realidade mais próxima com o término de atividades decorrentes de rodadas iniciais realizadas em 1999. Nessa dinâmica, o armazenamento e a estocagem de carbono podem convergir para a reutilização de poços abandonados e servir como depósito geológico para o CO2.

Dentro dos objetivos do PPGE, RGCI e PRH04, a palestra, portanto, traz um tema altamente instigante e atual, servindo como um momento crucial de debate e de discussões a partir da experiência da Professora Clarissa Brandão.

Clarissa Brandão Kowarski possui graduação em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2001), mestrado em Direito Internacional e Integração Econômica pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2005) e doutorado em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2010). Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Direito Constitucional (PPGDC) na Faculdade de Direito da Universidade Federal Fluminense (UFF) e Professora Permanente do Programa. Professora Adjunta IV vinculada ao Instituto de Ciências Humanas e Sociais de Volta Redonda (UFF) e pesquisadora da vinculada a Faculdade de Direito da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Tem experiência nas área de Direito Internacional, Direito do Comércio Internacional, Direito Internacional Econômico, Direito Constitucional Internacional, Direito Internacional dos Direitos Humanos e em áreas aplicadas, tais como regulação, extração mineral e direito do petróleo.

Seminário Cultura de Segurança e Desastres - Experiências Nacionais e Internacionais

Data: 
segunda-feira, 16 Outubro, 2017 - 09:30

Seminário CULTURA DE SEGURANÇA E DESASTRES - EXPERIÊNCIAS NACIONAIS E INTERNACIONAIS

16 outubro 2017
09h30 às 17h00
auditório do IEE/USP - Av. Prof. Luciano Gualberto, 1289 - Cidade Universitária, São Paulo
inscrições exclusivamente por email para comunicacao@iee.usp.br enviando nome/email/cargo/instituição
evento gratuito e aberto ao público interessado, sem pré-requisito

O Seminário busca apresentar e discutir experiências de culturas de segurança e estratégias em zonas urbanas brasileiras que convivem com o risco de desastres naturais. O objetivo é promover a aprendizagem social para a segurança com o fim de complementar o gerenciamento de infraestrutura e técnico relativos a desastres. No contexto das mudanças climáticas estima-se que aumenta o risco da incidência de eventos extremos meteorológicos, especialmente em áreas urbanas. É necessário aumentar a preparação e troca de conhecimentos entre planejadores urbanos, gerentes de desastres, comunidade, estudantes e docentes.

O evento é desdobramento do Projeto de Pesquisador Visitante Especial “Culturas de Segurança e estratégias em zonas urbanas brasileiras face aos desastres naturais”, desenvolvido no IEE/USP (2015-2018), com financiamento da CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior).

PROGRAMAÇÃO

09h30 - Abertura dos trabalhos
09h45 - Apresentação do Projeto, Pedro Roberto Jacobi, IEE/USP
10h00 - Participação social e projetos de gestão de riscos ambientais, Antonio Aledo-Tur, Universidade de Alicante, Espanha
10h30 - Reflexões sobre experiências relacionadas com cultura e segurança e os recentes eventos extremos, Jeroen Warner, Universidade Wageningen, Holanda
11h15 - intervalo
11h30 - Apresentação da experiência de Blumenau, SC, Rafaela Vieira, Universidade Regional de Blumenau e depoimento de Jorge Corrêa, Presidente da Associação de Moradores de Blumenau, SC
12h00 - Debate
14h00 - Apresentação da Roda de Conversa sobre cultura de segurança e estratégias em zonas urbanas face aos desastres naturais – prevenção, respostas e recuperação a partir de vários olhares, Samia N. Sulaiman, IEE/USP
14h15 – Campo Acadêmico-Científico – Kátia Canil, Universidade Federal do ABC
14h30 - Defesa Civil, Luis Antonio Neves Costa, Defesa Civil de São Bernardo do Campo, SP
14h45 - Comunicação de Riscos – Cilene Victor da Silva, Fundação Cásper Líbero
15h00 - Educação, Rachel Trajber, CEMADEN – Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais
15h15 - Debate
17h00 - Encerramento

Páginas