Próximos Eventos

Início >> Extensão >> Eventos

Seminário Internacional Territórios da Energia, Mudança Climática e Sustentabilidade da Macrometrópole Paulista

Data: 
quinta-feira, 9 Maio, 2019 - 09:30 até sexta-feira, 10 Maio, 2019 - 17:30
Seminário Internacional 
 
TERRITÓRIOS DA ENERGIA, MUDANÇA CLIMÁTICA E SUSTENTABILIDADE DA MACROMETRÓPOLE PAULISTA
 
09 e10 de maio de 2019
09h30 - 17h30
auditório do IEE/USP - Av. Prof. Luciano Gualberto, 1289 - Cidade Universitária - São Paulo
Para participar do evento como ouvinte realize a inscrição exclusivamente pelo email comunicacao@iee.usp.br enviando nome/email/cargo/instituição.
Para submissão de trabalhos - até 26/04/2019 - envar para o email alampis@usp.br
 
O Instituto de Energia e Ambiente da Universidade de São Paulo – IEE/USP, com base no projeto “Governança das Questões Energéticas no Contexto da Macrometrópole Paulista”, organiza o seminário internacional “Territórios da Energia, Mudança Climática e Sustentabilidade da Macrometrópole Paulista”  que irá ocorrer nos dias 09 e 10 de maio de 2019.
 
A iniciativa é parte do Projeto Temático (PrT) “Governança Ambiental da Macrometrópole Paulista face à Variabilidade Climática" do IEE/USP em colaboração com a Universidade Federal do ABC – UFABC e conta também com o apoio do Durham Energy Institute da UUniversidade de Durham, Inglaterra e da Universidade de Tours, França.
 
O objetivo do seminário é promover a reflexão e o intercâmbio de conhecimentos sobre Energia e Desenvolvimento, Modelos de Sistemas de Energia, Impactos Econômicos e agenda de Desenvolvimento Sustentável.
 
Programação
 
09 maio – quinta-feira
 
08h30 – Credenciamento
 
09h30 – Sessão de Abertura
               Colombo Celso Gaeta Tassinari, IEE/USP
               Simone Abram, Durham Energy Institute/Durham University
               Celio Bermann, PPGE/IEE/USP
               Pedro Roberto Jacobi, PROCAM/IEE/USP e IEA/USP
 
10h00 – Palestra – Science, Technology and Society: integrating social-science in the energy debate
               Simone Abram, Durham Energy Institute/Durham University
               Comentários de Célio Bermann, PPGE/IEE/USP
 
Palestras de convidados internacionais
 
11h30 – Pensamiento sistémico para transiciones sostenibles
               Cristina Zurbriggen, Universidad de la República de Uruguay
 
12h00 – Visión geopolítica de los processos espaciales y dinâmicas territoriales de la transición energética 
               en Sudamérica
               Ana Lía del Valle Guerrero, Universidad de Bahía Blanca, Argentina
 
12h30 – Intervalo de almoço
 
14h00 – El concepto de transición energética a la luz del caso uruguayo. Caracterrísticas, perspectivas
               y desafios
               Bruno Fornillo, CONICET e Universidad de Buenos Aires, Argentina
 
14h30 – La vida social de la energia: reflexines teóricas y empíricas sobre la transición energética desde el
               sur austral
               Gustavo Blanco, Universidad Austral de Chile em Valdivia, Chile
 
Mesas de Discussão e  Debate
 
15h00 – Mesa de discussão com atores institucionais – EMPLASA, Prefeituras Municipais e Secretarias
              Coordenação de Tristan Loloum, Université de Tours
 
17h00 – Mesa-redonda 01 – Governança, energia e sociedade
              Coordenação de Andrea Lampis, IEE/USP
 
 
10 maio – sexta-feira
 
O Projeto do Instituto de Energia e Ambiente/USP – FAPESP
 
08h30 – Apresentação de trabalhos do Projeto Governança da Energia na Macrometrópole Paulista
              Coordenação e debates: Douglas Wittmann e Flávia Collaço
 
O Projeto Interdisciplinar Governança Ambiental da Macrometrópole Paulista face à Variabilidade Climática (MacroAmb)
 
11h00 – Apresentação de trabalhos do Projeto MacroAmb USP-UFABC
              Coordenação e debates: Lira Benites e Andrea Lampis
 
12h30 – Intervalo almoço
 
Mesas de Discussão e  Debate
 
14h00 – Mesa-redonda 02 – Energia, logística e planejamento na Macrometrópole Paulista
              Coordenação de Jucilene Galvão
 
15h00 – Mesa-redonda 03 – Energia e desenvolvimento local
              Coordenação de Leandro Bellini
 
16h30 – Mesa de encerramento –Transição energética justa: um debate de direitos
              Coordenação de Vanessa Empinotti, UFABC
             
              Celio Bermann, PPGE/IEE/USP
              Andrea Zhouri, UFMG

 

Visitas Monitoradas ao Instituto de Energia e Ambiente da Universidade de São Paulo

Data: 
terça-feira, 14 Maio, 2019 - 09:00 até quinta-feira, 16 Maio, 2019 - 17:00

VISITAS MONITORADAS AO INSTITUTO DE ENERGIA E AMBIENTE DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

14, 15 e 16 maio 2019
9h00 às 16h00
Av. Prof. Luciano Gualberto, 1.289 – Cidade Universitária, São Paulo
inscrições exclusivamente por email -  comunicacao@iee.usp.br encaminhando nome, email e instituição de ensino
dúvidas e outras informações pelo telefone 11 3091-2507

Nos dias 14, 15 e 16 de maio de 2019 o IEE receberá alunos do ensino médio e demais interessados para visitação a alguns de seus laboratórios e infraestruturas, dentro do Programa USP e as Profissões – Visitas Monitoradas.

O Instituto de Energia e Ambiente é um “instituto especializado” da USP que busca promover a interação entre as necessidades da Sociedade, a Ciência e a Tecnologia, atuando em atividades de Ensino, Pesquisa e Extensão, desenvolvendo soluções com qualidade, em articulação com as demais unidades da USP e parceiros externos, nas áreas de Energia e Ambiente, contribuindo para o desenvolvimento sustentável do Brasil.

Programação

09h00 – Recepção e credenciamento dos participantes

10h00 – Palestra de apresentação do IEE seguido de mostra do vídeo institucional

10h30 – palestra do Bruno Collaço sobre Sismologia

11h00 - visita aos laboratórios 1

11h30 – visita aos laboratórios 2

12h00 – intervalo para lanche

13h00 – visita aos laboratórios 3

13h30 – visita aos laboratórios 4

14h00 – visita aos laboratórios 5

14h30 – visita aos laboratórios 6

15h00 – palestra Evandro Mateus Moretto sobre Gestão Ambiental

15h30 – avaliação e encerramento

 

Laboratórios que serão visitados:

Laboratório de Sismologia
Contrariando o senso comum, sabemos que o Brasil não está livre de terremotos. Em nosso país acontecem tremores todas as semanas e, apesar da imensa maioria não ser sentida pela população, ainda assim o estudo da sismicidade brasileira é de estrema importância.

O Laboratório de Sismologia do IEE integra o Centro de Sismologia da USP, cuja missão é monitorar a atividade sísmica em todo país, com localizações dos epicentros em tempo real. Conta com um sistema de detecção de terremotos de última geração, permitindo a análise e divulgação de dados relacionados aos terremotos mais significativos no mundo e no Brasil através de um website próprio e também por um aplicativo para celular.

Responsável: Bruno Collaço

DESEME
O Serviço Técnico de Desempenho e Segurança de Equipamentos e Materiais Elétricos verifica a operação e a segurança de produtos, instalações elétricas e equipamentos de segurança, além de equipamentos da área médica, de raios X e de diagnósticos por imagem. Desenvolve instrumentação e métodos de avaliação desses produtos.

Laboratório de Eficiência e Desempenho de Equipamentos Elétricos
. O que tem na tomada? – Resultados de medição de qualidade de energia
. Para que existe a etiqueta colorida nos eletrodomésticos? – Medição e cálculo de eficiência energética de ventiladores de mesa
. O forno de micro-ondas tem radiação? – Verificação de medidores de campo elétrico na frequência de 60 Hz

Responsável: Luiz Gustavo Fernandes

Laboratório de Equipamentos Radiológicos
Ensaio em equipamentos radiológicos para diagnóstico médico e calibração de sensores termoelétricos.

Responsáveis: Márcio Bottaro, Fernanda Cristina Salvador Soares e André Henrique Mamede

SVALPOT
O Serviço Técnico de Altas Potências avalia equipamentos e produtos em situações críticas, fomentando a confiabilidade e a segurança de pessoas e instalações.

Laboratório de Ensaios de Vestimentas
Único no país, realiza os testes compulsórios de arco elétrico para vestimentas de trabalhadores dos setores de energia e petroquímico. Ensaio de verificação de resistência ao arco elétrico.

Responsáveis: Paulo Futoshi Obase, Thais Ohara de Carvalho e Ivan Bueno Raposo

Laboratório de Alta Tensão
O Laboratório de Alta Tensão é pioneiro na avaliação de produtos frente as sobretensões. Desenvolve pesquisas para o aumento da confiabilidade e segurança de sistemas e equipamentos e também sobre descargas atmosféricas e seus efeitos.

Será apresentado o “Ensaio de Tensão Disruptiva em 60Hz em Isolador”. Como ele verifica-se o limiar de suportabilidade de tensão em frequência industrial do isolador, fornecendo subsídios para estudos de aplicação e desempenho do equipamento.

Responsáveis: Cleber Rogério Fiori, Welson Bassi, Johny Ricardo Pessoa e Milton Zanotti J.

Laboratório de Fotometria
Inserido no Serviço Técnico de Sistemas de Iluminação, Condicionamento Ambiental e Desempenho Energético de Edificações, o Laboratório está capacitado para realizar ensaios normalizados, acreditados pelo INMETRO, em lâmpadas, leds, reatores, luminárias, semáforos, avaliação de sistemas de iluminação, sinalizadores marítimos, etc. Atua também na colaboração em pesquisas de graduação e pós-graduação e em comissões da ABNT para desenvolvimento e revisões de normas do setor de iluminação

Responsáveis: Liliana de Ysasa Pozzo, Rinaldo Caldeira Pinto e Marcelo de Oliveira Jesus

Laboratório de Sistemas Fotovoltaico
Com infraestrutura laboratorial que permite atuação em pesquisa, extensão universitária e ensino de graduação e pós-graduação; conta com sistemas híbridos de geração de eletricidade, sistemas fotovoltaicos para bombeamento de água, sistemas fotovoltaicos isolados e conectados à rede elétrica.

Desde 2014 possui uma central fotovoltaica de 500kW conectada à rede do Campus da USP. Essa usina solar gera energia renovável para a USP, sendo composta por sistemas fotovoltaicos instalados de três diferentes maneiras: na forma de estacionamento para veículos; sobre o terreno e sobre um prédio. A usina é utilizada para treinamento, qualificação de instaladores e avaliação de estratégias de gestão de energia.

Durante a visita serão apresentados a central fotovoltaica e os diversos sistemas energéticos que constituem a infraestrutura laboratorial do LSF.

Responsável: André Ricardo Mocelin

 

 

Dialogue on Renewable Energy and the Energy Transformation

Data: 
segunda-feira, 17 Junho, 2019 - 08:00 até terça-feira, 18 Junho, 2019 - 12:00

DIALOGUE ON RENEWABLE ENERGY AND THE ENERGY TRANSFORMATION 

June, 17 and 18, 2019
Institute of Energy and Environment, University of São Paulo - IEE/USP
Av. Prof. Luciano Gualberto, 1.289, Cidade Universitária, São Paulo, SP, Brasil

Free Registration only by email comunicacao@iee.usp.br
Please send: name/e-mail/position/institution
There will be simultaneous translation

Justification
The event will address several of the priority areas related to energy, under technical, economic, social, environmental and gender aspects. It will strengthen bi-regional ties and improve mutual knonwledge by establishing personal relations among the discussants and through the appropriate diffusion of information on the event through social media and academic channels.

Objective
Decarbonization of the energy sector is needed to meet commitments under the Paris Agreement on Climate Change; Renewables are key to this decarbonization. However, policies and regulations from the national government are not enough; there needs to be engagement from those entities that are faced with making energy decisions. Cities and regions are responsible for providing services to their constituents.

Demonstrating how renewable energy can meet energy needs efficiency and effectively is central to changing decision-making processes. Illustrating the positive co-benefits of renewable (energy security, emission reductions, improved employment etc.) is also needed. Acceptance of renewable completes the picture; the gender dimension of energy cannot be ignored.

The event is structures around the benefits and co-benefits of renewables, using Brazil as the starting point for discussion
This event will:
. Present the current status of renewable globally
. Outline Brazil's status and what has changed
. Illustrate the role of cities and regions in driving renewable energy uptake
. Discuss the socio-economic co-benefits of renewables
. Show the importance of gender in supporting acceptance and uptake of renewables

Key Inputs
The event will present the main findings from REN21's Renewables 2019 Global Status Report (for previous reports, see: http://www.ren21.net/gsr) and will use this latest data to discuss Brazil's role in the energy transformation.

This year's edition has a special chapter documenting the role of cities and regions in driving renewable energy uptake. The organizers have therefore secured the interest of R-20 Latin America to complement this event by bringing in city/region perspective. The discussion will also include representatives from private setor both from Brazil and Europe to explore the opportunities offered by the energy transformation for small and medium-sized enterprises, increasing employment and competitiveness.

The gender dimension of the energy transformation will also be addressed; the persistent underrepresentation of women in the energy sector needs to be improved. (cf. IRENA's most recent study entitles "Renewable Energy: A Gender Perspective").This question is of relevance in Brazil as it is in other countries. An anticipated outcome of the event is to assess the interest of establishing a Brazilian Chapter of the Global Women's Network for the Energy Transition (GWNET).

______________
REN21's Renewables 2019 Global Status Report is produced annually with the contribution of over 900 energy experts from around the world, including researchers from IEE/USP. It is the industry standard for status of renewables.

The Global Status Report includes:
. Global Overview
. Market & Industry Trends
. Distributed Renewable Energy for Energy Access
. Investments Flows
. Policy Landscape
. Energy Efficiency
. Enabling Technologies
. 2019 Feature "Renewable Energy in Cities"

The report covers:
. All renewable energy technologies
. Power, heating & cooling and transport sectors
___________________

Responsible Institutions
. Institute of Energy and Environment of University of São Paulo - http://www.iee.usp.br

. The Renewable Energy Policy Network for eht 21st  Century (REN21 http://www.ren21.net) is a multi-stakeholder network dedicated to the rapid uptake of renewables to drive the energy transformation. It was created as outcome of Bonn2004 (the first international conference dedicated exclusively to renewables). It is a German redistered non-profit organization with is headquarters at the UN Environment offices in Paris http://www.irena.org/publications/2019/Jan/Renewable-Energy-A-Gender-Perspective.

. The Global Women's Network for the Energy Transition (GWNET,  http://www.globalwomennet.org), is an Austrian registered international non-profit organization. Its mandate is to promote the equal participation of women in the energy sector in all fields and all regions to accelerate the energy transition. It does this through advocacy, technical assistance, knowledge transfer, mentoring and coaching. GWNET has over 150 individual and corpotate members; furthermore, working relationships have been successfully established with several industry associations.

PROGRAM

June, 17, 2019
Where Do We Stand in the Energy Transformation? Launch of REN21's Renewables 2019 Global Status Report

08h30 - Registration

09h00 - Opening Session
             . Prof. Dr. Colombo Celso Gaeta Tassinari, Director of IEE/USP
             . Renato Godinho, Biofuture Platform Chairperson and National Focal Point for Brazil, Head of Division for 
               Energy Progress, Ministry of Foreign Affairs, Brazilia Federal Government
             . State Secretary Marcos Penido, Secretariat of Infrastructure and Environment of São Paulo (tbc)
             . Representative from Municipality of São Paulo
             . Ambassador Irene Giner-Reichl, currently Ambassador to the FederativeRepublic of Brazil and Suriname,
               GWNET's President
             . Prof. Dr. Arthouros Zervos, Chair of the Renewable Energy Policy Network for the 21st Century (REN21), 
               National Technical University of Athens

09h30 - First Session: Status of Renewable Energy

Presentation: The global status os renewable energy (REN21)
Prof. Dr. Anthouros Zervos, Chair of the Renewable Energy Policy Network for the 21st Century (REN21) National Technical University of Athens (videoconference)

Abstract: Presentation outlines the overarching trends and development from 2018. allowing participants to understand the significance of the latest renewable energy development globally. It outlines what is happening to drive the energy transformation and details why it is not happening fast enough or a fast a possible. The presentation is based on the latest data presented in the newly released REN21's Renewables 2019 Global Status Report.
 

Presentation: The status of renewable energy in Brazil
Prof. Dr. Jose Goldemberg, IEE/USP

Abstract: Brazil is among the 15 countries that generate more than 70% of its electricity from renewable sources. It is also placed among the 15 countries with the lower carbon intensity in its energy mix along with Norway, Switzerland, Finland, France, Ireland, Paraguay and others. The carbon intensity of most of these countries is declining since 1990 but Brazil is an exception and its carbon intensity has increased 11,4% from 1990-2016 due to problems in its hydroelectricity system and the increase use of thermal plants using fossil fuels. According to the Decennial Expansion Plan of the government, this situation will be reversed until 2027. The reduction of the hudroelectricity share will be compensated by the large expansion of the contribution of wind generated electricity (11,7%), biomass (10,0%) and solar (3,4%). The role of the PRE-SAL oil production will be discussed.

Round-table discussion: How to accelerate and scale up energy transition; multi-stakeholder from Brazil (and abroad)

Participants:
Elbia Gannoum, ABEEOLICA, Brazilian Wind Energy Association (tbc)
Eduardo Carvalho, UNICA, Sugar-Ethanol Mills Association (tbc)
Alessandro Gardemann, ABIOGAS, Brazilian Association for Biogas and Biomethane
Brazilian Association for Solar Energy (tbc)
Julio Meneghini, RCGI/USP
Tlema Franco, UNICAMP
Pedro Luis da Costa Aguiar Alves, UNESP (tbc)
Suzana Kahn Ribeiro, UFRJ

12h00 - Lunch break

14h00 - Second Session:The Role of Cities and Regions in the Energy Transition

Presentantion: The role of cities (REN21) - Presentation on first findings of the cities report
Ms Rana Adib, Executive Secretary, Renewable Energy Policy Network for the 21st Century (REN21) (videoconference)

Abstract: Cities and local action play a key role in the energy transformation. However, information is dispersed and with limited focus on how cities scale up renewable energy and its associated benefits, including air pollution, energy security and access, and socio-economic issues. This intervention will presentation initial findings from aa new report that documents the role cities and local action play in advancing the global renewable energy transformation. Both the global and regional context will be presented. Examples from Latin America cities, including Brazil will be highlighted.

Presentation: The role of regions (R20) presentation
Mr. Jorge Machado, Director of R20 in Brazil (http://www.regions20.org)

Abstract (to be included)

Round-table discussion: Multi-level governance in the energy transition (players from national governments, regional governments and cities)

Participants:
. Representative of São Paulo Municipality (tbc)
. Superintendence of Enviromental Management of University of São Paulo (tbc)
. Miguel Bucalem, USP Cidades
. Laura Valente, FGV/SP and Former Director of ICLEI

June, 18, 2019
Harnessing the Power: Engaging women to drive the energy transformation

09h30 - Third Session: Launch of GWNET in LAC
Chairs: Ambassador Irene Giner-Reichl, GWNTE's President and Ambassador to the Federative Republic of Brazil and Suriname; Christine Lins, Executive Director of GWNET

Presentation: The Global Women Network ofr Energy Transition
Christine Lins, Executive Director of GWNET

Abstract: It is a well-known fact that the energy sector continues to be male-dominated. A recent Irena study on "Renewable energy: a gender perspective" estimates that the renewable energy sector employs 32% of women, compared to 22% in the overall energy sector. This under representation deprives the energy industry of the creativity and resourcefulness of women, thereby potentially slowing the transition to renewable energy systems. Gender diversity drives innovation, opens new pathways for the technology deployment, brings fresh perspectives to development of societies, atracts, and retains a richer pool of talent. This networking event is the first in a series to empower female professionals in the Latina American energy industry. It will discuss what is needed to give more visibility to women in the sector, thereby striving for more gender diversity and strengthening the industry.

Representative from women in energy sector are being invited, such as:

. Elbia Gannoum, President of ABEEOLICA
. Camila Brandão, RCGI/Shell
. Karen Mascarenhas, RCGI/Shell
. Virginia Parente, IEE/USP
. Suani Teixeira Coelho, IEE/USP
. Hirdan Costa, IEE/USP
. Telma T. Franco, UNICAMP
. Suzana Kahn Ribeiro, URFJ
. Laura Valente, FGV/SP and ICLEI
. Ana Paula Fava, Civil Cabinet, São Paulo State Government
. Maria Cristina Fedrizzi, IEE/USP (tbc)
. Patricia Iglecias, President of CETESB, Environment Agency of São Paulo (tbc)
. Rita Alves, RCGI/USP
. Representatives of Brazilian and European companies active in Brazil (to be defined)
. Researchers and students of USP

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Treinamento sobre a NBR 5419:2015 Proteção Contra Descargas Atmosféricas

Data: 
segunda-feira, 24 Junho, 2019 - 08:00 até quinta-feira, 27 Junho, 2019 - 17:00

TREINAMENTO SOBRE A NBR 5419: 2015 PROTEÇÃO CONTRA DESCARGAS ATMOSFÉRICAS

Data: 24, 25, 26 e 27 junho de 2019

Local: auditório do Instituto de Energia e Ambiente da USP - Av. Prof. Luciano Gualberto, 1.289 - Cidade Universitária, Butantã, São Paulo

Carga Horária: 32 horas

Ministrante: Dr. Hélio Eiji Sueta, Chefe Adjunto da Divisão Científica de Planejamento, Análise e Desenvolvimento Energético do IEE/USP; Secretário da CE 6410 do COBEI e Representante brasileiro no TC 81 da IEC (Lightning Protection). http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4700739J0

Descrição: O treinamento aborda os aspectos da proteção de estruturas, pessoas e equipamentos contra os efeitos das descargas atmosféricas. Descreve os procedimentos da norma brasileira (versão 2015) e da norma internacional e prepara os alunos para desenvolver projetos, especificações, inspeções e manutenção de sistemas de proteção. É indicada principalmente para alunos das engenharias elétrica e civil atendendo também arquitetura ou técnicos da área elétrica. Será disponibilizada uma planilha de análise de risco de acordo com  a NBR 5419-2: 2015 aos participantes.

Custo: R$ 1.800,00 (um mil e oitocentos reais) que deverá ser depositado em nome do Instituto de Energia e Ambiente da USP, CNPJ 63.025.530/0042-82, Banco do Brasil, Agência 7009-2 e Conta Corrente 130411-9. Antes do depósito favor enviar email para planejanento@iee.usp.br  para verificar a disponibilidade de vaga.  Em caso positivo, efetuar o depósito e a seguir, encaminhar seus dados (nome, email e telefones preferenciais) e o comprovante de depósito bancário para o email  planejanento@iee.usp.br.

Notas Importantes:
(1) quem já adquiriu a Planilha de Análise de Risco TUPAN 2015 terá desconto de R$ 400,00 no valor da inscrição
(2) uma vez efetuado o depósito, não há possibilidade de devolução do valor

Material do Treinamento:
(1) Cópia dos slides do treinamento em PDF (aproximadamente 1000 slides)
(2) Tutorial do TUPAN 2017 (vídeo aula com aproximadamente 60 minutos)
(3) TUPAN 2017 - Planilha de Análise de Risco
(4) Cópia de trabalhos técnicos publicados em congressos (aproximadamente 50 trabalhos)
(5) Cópia da tese de Doutorado do ministrante, referente ao uso de componentes naturais em SPDA
(6) Catálogos digitais de fabricantes de DPS
(7) Aplicativo para cálculo de Área de Exposição equivalente para Android, livros digitais sobre o assunto e ppt de descargas atmosféricas

Este treinamento é parte das atividades da Divisão Científica de Planejamento, Análise e Desenvolvimento Energético do IEE/USP.

 

XV Simpósio Internacional de Proteção contra Descargas Atmosféricas (XV SIPDA)

Data: 
segunda-feira, 30 Setembro, 2019 - 09:00 até sexta-feira, 4 Outubro, 2019 - 18:00

XV Simpósio Internacional de Proteção contra Descargas Atmosféricas (XV SIPDA)

Data: 30 de setembro a 4 outubro de 2019

Local: São Paulo – SP
auditório do IEE/USP – Av. Prof. Luciano Gualberto, 1.289 - Cidade Universitária, São Paulo

O objetivo do Simpósio é contribuir para a discussão e difusão das inovações tecnológicas relativas à proteção contra descargas atmosféricas, aterramentos elétricos e técnicas de modelagem e de medição. O evento abrange todos os aspectos relacionados a descargas atmosféricas, destacando-se os seguintes temas:

1) Física, características e medições de descargas atmosféricas
2) Sistemas de detecção e localização de descargas atmosféricas
3) Proteção de subestações e de linhas de transmissão
4) Proteção de linhas de distribuição de média e de baixa tensão
5) Proteção de estruturas e instalações
6) Proteção de sistemas eletrônicos e de telecomunicações
7) Aterramentos elétricos
8) Campos eletromagnéticos e compatibilidade eletromagnética
9) Testes e normalização
10) Acidentes e prejuízos causados por descargas atmosféricas

Data limite para submissão de trabalhos: 15 de maio 2019

Mais informações no site do simpósio - http://www.usp.br/sipda